Últimos posts

Termômetro da doação de órgãos já está funcionando em shopping de Belém

Com o objetivo de sensibilizar a população sobre a importância da doação e do transplante de órgãos, a Central de Transplantes do Pará inaugurou na última sexta-feira (01), o Termômetro da Doação, no Parque Shopping Belém, na Rodovia Augusto Montenegro. O painel eletrônico mostra os números atualizados de transplantes realizados no Pará e a quantidade de pessoas que aguardam por um órgão. A ação é uma parceria com a Faculdade Maurício de Nassau e o Conselho de Jovens Empresários da Associação Comercial do Pará (Conjove/ACP).

 

A inauguração do painel contou com a presença de representantes de instituições e entidades ligadas ao estímulo de transplantes e à doação de órgãos no Pará, além do secretário de Estado de Saúde Pública, Helio Franco, que destacou o esforço dos parceiros para a realização da campanha. "Nosso objetivo é ampliar a quantidade de doadores no Estado, além de aumentar o número de transplantes. O Governo do Pará sempre apoiará iniciativas em prol do fortalecimento da saúde da população", reiterou.

 

Quem passar pelo centro de compras do shopping poderá interagir com o Termômetro da Doação tocando no coração pulsante, instalado no aparelho, para manifestar a vontade de ser um doador. O painel ficará no shopping até 24 de março. notícias visual laser transplante de córnea

 

Conscientização - Segundo a coordenadora da Central de Transplantes, Ana Cristina Beltrão, a meta é divulgar a campanha e mostrar o cenário dos transplantes e das doações de órgãos no Estado, além de conscientizar a população sobre a necessidade de mais doadores para suprir a demanda da lista de espera por transplante. "O objetivo é levar a ideia para o maior número de pessoas, por isso o termômetro será itinerante, e chegará a vários locais da cidade", informou.

 

Ana Cristina Beltrão destacou que o Pará começará a fazer transplantes de fígado e coração ainda neste semestre. "A equipe e o hospital que realizará os transplantes já estão credenciados. Estamos aguardando apenas a regulação do Estado concluir alguns processos para a liberação dos procedimentos", acrescentou.

 

De acordo com a Central de Transplantes, em 2012 foram realizados 334 transplantes de órgãos e tecidos, sendo 49 de rim, dos quais sete intervivos, e 285 de córnea. Atualmente, a fila tem 533 pessoas aguardando transplante de córnea, e 764 de rim. Neste ano já foram feitos quatro procedimentos de rim e 45 de córnea.

 notícias visual laser transplante de córnea

Para o transplantado Pedro Paulo dos Santos, 30 anos, que recebeu um rim, a campanha é fundamental para quem espera pelo transplante de órgãos no Pará. Ele acredita que a iniciativa trará mais segurança aos pacientes que fazem hemodiálise. "Após o transplante minha expectativa de vida melhorou muito. Não tenho a preocupação de fazer quatro horas de diálise três vezes por semana. Faço questão de me envolver em campanhas como esta, para ajudar pessoas que hoje necessitam de transplantes", declarou.

 

A programação no shopping também conta com atividades educativas desenvolvidas pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), Faculdade Maurício de Nassau, Conjove, Secretaria Municipal de Saúde de Belém (Sesma), Fundação Hemopa, Associação de Renais Crônicos e Transplantados do Pará (ARCT-PA), Associação Paraense dos Amigos do Fígado (Apaf), Comissões Intra-Hospitalares de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes (CIHDOTTs), Sociedade Brasileira de Nefrologia (SBN-PA), Hospital Ophir Loyola (HOL), Hospital Universitário Bettina Ferro de Souza, clínicas oftalmológicas e equipes médicas de transplantes.

 

Fonte: pa.gov.br - Agência Pará de Notícias (Março 2013)